Pediatra Flávio Mello – Alimentação Paleo para crianças faz sentido?

Uma das dúvidas mais frequentes que vejo por aí em blogs, grupos do Facebook e outros canais é: uma criança iniciando a alimentação complementar pode adotar uma alimentação Paleo com Comida de Verdade?

O pediatra Flávio Mello, da Paraíba, acredita que sim. Uma alimentação no modelo Paleo com Comida de Verdade é capaz de suprir as necessidades específicas de cada fase de desenvolvimento de uma criança. Claro que com adaptações para cada uma.

Outro dia ele escreveu um texto bacana, que decidi (com sua autorização) transformá-lo em um post aqui no nosso blog.

“…quando você fala desmame, eu entendo início da alimentação complementar, mantendo o aleitamento materno. Nesse caso, sem nenhum problema poderíamos torná-la um bebê paleo, mas não necessariamente low-carb (não precisa ser low-carb, mas naturalmente será, já que até o leite materno é low-carb)

Os principais pontos:

1- após os 6 meses de idade, iniciar nos primeiros 15 dias com frutas inteiras, na forma de papas (amassadas); primeiro, pela manhã, depois, manhã e tarde, uma de cada vez, para observar eventuais sinais de alergia, depois podendo misturar. Você pode acrescentar, como opção às frutas amassadas, papas de frutas, pedaços grandes de frutas variadas, para que o bebê tenha contato com a fruta quase inteira e escolha o que prefere (método BLW – Baby Led Weaning).

De preferência não dar sucos, mas os cítricos espremidos (a famosa laranja mimo do céu), não seria uma grande transgressão, mas eventual; 120-150ml no máximo – se precisar pode complementar com leite materno após;

2- Depois dos primeiros 15 dias, iniciar a primeira papa principal/almoço, que deve conter uma fonte proteica (carne, frango, ovos, fígado/miúdos ou peixe), 1 fonte de carboidratos densos (batata, batata-doce, inhame, mandioca/macaxeira); uma fonte de legumes cozidos (abóbora/jerimum, cenoura, couve, brócolis, repolho, etc) e uma fonte de vegetais crus. No início terá que passar no processador, ao longo do tempo e da aceitação, picar em pequenos pedaços e “engrossar” a consistência. Pode temperar normalmente com alho, cebola, salsa, orégano, manteiga, e pouquíssimo sal.

3- Após o sétimo mês, iniciar a mesma papa à noite ou fazer uma sopa com o que sobrou do almoço;
Após a refeição salgada pronta, colocar um fio de azeite extra-virgem (invista dinheiro em um bom azeite, de preferência primeira prensagem a frio). Respeite a fome de seu filho, não o hiperalimente, e não se desespere se ele comer pouco no início ou não aceitar uma refeição. Isso não mata.

4- Depois que ajustar a alimentação e observar sua tolerância intestinal, pode na parte da tarde bater uma fruta com iogurte natural integral ou coalhada feita em casa;

5- Suplementar vitamina D, pelo menos 600UI/dia e banho de sol por volta de 9-10h por 5 minutos;

6- E coloque desde já seu filho no chão! Isso será definidor para seu perfil imunológico e desenvolvimento motor. (Pode colocar em um tapetinho de EVA, mas não precisa limpá-lo todos os dias).

Bem, em resumo isso já é um começo. Abs Flávio.”

Print Friendly, PDF & Email

8 comentários em “Pediatra Flávio Mello – Alimentação Paleo para crianças faz sentido?

  • 27 de julho de 2015 em 9:05 PM
    Permalink

    Sou Pediatra e adorei seu post. Há 08 meses seguindo o estilo Paleo e há 2 meses iniciando as orientações a alguns pacientes a introdução deste estilo de vida!! Obrigada pela contribuição!!

    Resposta
  • 29 de julho de 2015 em 11:25 AM
    Permalink

    Tenho uma filha com 1 ano e 6 meses paleo desde que nasceu. Gostaria de saber até quando preciso dar leite (ela toma nam3) e o que poderia substituí-lo?

    Resposta
    • 2 de janeiro de 2018 em 9:13 AM
      Permalink

      Olá.se ela toma leite de vaca, já deixou de ser paleo

      Resposta
  • 1 de outubro de 2015 em 2:09 PM
    Permalink

    Muito bom o post, mas gostaria de uma orientação de que leite oferecer a um bebê páleo quando a mãe não produz leite.

    Resposta
    • 2 de janeiro de 2018 em 9:16 AM
      Permalink

      Com certeza não irá poder oferecer complemento a base de leite de vaca. Não existe mãe que não produz leite. Existe mãe que por o filho pra estimular chupeta ao invés de fazer o estímulo no peito.

      Resposta
  • 9 de outubro de 2015 em 11:48 AM
    Permalink

    Parabéns pelo post.era tudo que eu precisava. Meu bebê completa dia 17/10 seis meses de alimentação leite materno exclusivo. Eu e meu marido seguimos alimentação paleo porém não sabia como começar com o meu bebê. Claro q decidimos que ele tb seguiria vom uma alimentação paleo, porém tava em dúvidas de como começar. Obrigado!

    Resposta
  • 10 de dezembro de 2015 em 6:03 PM
    Permalink

    Quero agradecer enormemente a este blog,por esta inestimável ajuda. Andava muito preocupado,pois minha esposa nos dará um casal de gêmeos,embora eu seja paleo,e já desfruto dos seus resultados,nada sabia sobre a alimentação de bebês. Este texto,embora muito simples,era tudo que eu precisava.
    Muito obrigado,mesmo.
    jorge pedreira

    Resposta
    • 18 de dezembro de 2015 em 7:47 AM
      Permalink

      muito gratificante ler sua mensagem, Jorge 🙂

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *